9 Dicas Para o Bom Funcionamento do Sistema de Refrigeração

é importante que os equipamentos estejam com a manutenção em dia para garantir a melhor performance.

REFRIGERAÇÃO COMERCIAL

Os sistemas de refrigeração em supermercados, lojas de conveniência, padarias, bares e restaurantes são os grandes responsáveis em manter os produtos bem conservados, e isto se reflete diretamente na qualidade do produto. Por isso, é importante que os equipamentos estejam com a manutenção em dia para garantir a melhor performance. Para auxiliar os donos do negócio e os técnicos refrigeristas, especialistas da Embraco apresentam algumas recomendações:

 Importante frisar que procedimentos de diagnóstico e manutenção em sistemas de refrigeração só podem ser executados por profissionais capacitados.

  • Considere a aplicação do sistema de refrigeração

A solução de refrigeração precisa ser selecionada de acordo com a aplicação, como balcões frigoríficos e expositores de bebidas, por exemplo, e a capacidade desejada (necessária) de refrigeração.

  • Cheque a tensão

Um dos pontos mais importantes na manutenção de um compressor é verificar a tensão. Ela deve estar sempre próxima da tensão elétrica (127 V ou 220 V).

  • Dispositivos frouxos podem ser a causa de ruídos

 É fundamental verificar a fixação de todos os componentes para evitar o afrouxamento ou até a soltura dos dispositivos. Isto também reduz o ruído do sistema.

  • Limpe o condensador e desobstrua as passagens de ar. Limpe também o ventilador.

O condensador sujo representa aumento de consumo de energia e perda de capacidade de troca de calor, reduzindo, assim, a capacidade de refrigeração. Para remover as impurezas, use água, pano ou ar comprimido. Já o ventilador sujo exige maior esforço do motor, que trabalhará sobrecarregado e consumirá mais energia, além de diminuir a vida útil de todo o sistema.

  • Fique de olho na instalação elétrica

Certifique-se de selecionar a solução de refrigeração que se alimenta da mesma tensão e frequência da rede elétrica. A instalação elétrica também deve ser adequada, atendendo aos requisitos técnicos e de segurança a fim de prevenir riscos ao equipamento e seus componentes.

  • Mantenha as portas ajustadas

Portas desalinhadas ou a gaxeta (borracha de vedação da porta) danificada ou descolada, provocam a entrada de calor externo.

  • Escolha o lugar ideal

O sistema de refrigeração não deve ficar exposto ao sol e em locais sem ventilação.

  • Prefira refrigerantes naturais

Eles aumentam a eficiência energética do sistema e não agridem a camada de ozônio.

  • Evite perdas e quebras

Para isso, a dica é optar por sistemas completos e autônomos de refrigeração como o Plug n’ Cool ou unidades condensadoras. Se algum equipamento falhar, outro consegue manter o frio do sistema até que haja o reparo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *